domingo, 29 de junho de 2014

Alegria na copa X Alegria na igreja


Eu fico observando o comportamento de algumas pessoas (cristãs) quando estão assistindo uma partida de futebol. É copa do mundo, e nós, como brasileiros, evidentemente queremos que o nosso país ganhe, normal, sem problemas. Mas pra que tanta euforia? Pra que tanta gritaria? Ué Priscila, eu não posso mais torcer pelo meu time/país? Claro que pode! Quem disse que torcer é errado? Não fui eu!

Estes dias eu estava refletindo e notei um coisa: ninguém pula, roda, grita quando um pecador se converte a Cristo (estou me referindo aqui a pessoas evangélicas). Hoje em dia é muito difícil alguém pular de alegria quando um desviado volta para a Casa do Pai. É mais fácil uma pessoa gritar bem alto e com todas as suas forças ''gooooool'' do que ''Glória a Deeeeeeus'' quando um pecador vai lá na frente entregar sua vida a Cristo.

O livro de Salmos fala que nós devemos nos alegrar na presença do Senhor, não diz? É engraçado, ou melhor, preocupante, os irmãos que vão a igreja mas já pensando em voltar para casa. Aí fica lá sentadinho(a) no banco da igreja desligado, com cara de tédio, bocejando, consultando o relógio a cada segundo ... Infelizmente muitos cristãos (se é que estes podem ser chamados assim) tem mais prazer em uma partida de futebol do que em um culto de oração, escola bíblica, doutrina, ou leitura da Bíblia.

Eu fico imaginando outra coisa, se o rei Davi vivesse ainda, e fosse visitar um dos nossos cultos; acho que ele ficaria chocado! Sim, chocado. Porque ele se alegrava muito na presença de Deus, ele dançava, adorava a Deus e louvava com toda a sua alma. Muitas pessoas já não se alegram mais na presença de Deus, muitos estão congelados espiritualmente e não sentem mais a Deus.
Na vida de Davi, nada neste mundo substituia a presença de Deus. Ele preferia passar um dia na presença de Deus do que mil em outros lugares. Será que este é o nosso prazer também? 

Se o Brasil vencer essa copa (que vença) o que eu vou ganhar com isso? Meu salário vai aumentar? Não. A fome, as guerras, a pobreza vai acabar? Não. O que vai mudar se o Brasil ganhar ou perder? Absolutamente nada! Tem tantas pessoas que idolatram alguns jogadores, torcem por eles ''vai Neymar vai Fred, vai sei lá quem'', e eles, nem se quer sabe que você existe. Eles te ignoram simplesmente pelo fato de não te conhecer.

Seria muito bom se as pessoas se alegrassem na presença de Deus do mesmo modo que elas se alegram quando alguém faz gol. Deus se alegraria ao ver o seu povo o adorando de todo o coração, com todo o ser, com toda vibração. Vamos refletir um pouco sobre isso queridos amigos. Vamos deixar de hipocrisia na casa do Senhor. 

Temos que mudar o nosso comportamento diante de Deus, então vamos mudar! Refita um pouquinho sobre isso.

Beijos no coração, fiquem com Jesus
Pri.Pri.